Image Image Image Image Image
Scroll to Top

To Top

Parques móveis se tornam opções para deixar a cidade mais verde e viva

Parques móveis se tornam opções para deixar a cidade mais verde e viva

Com o crescimento dos grandes centros urbanos e mais pessoas convivendo no mesmo espaço, surgem novos ambientes destinados ao lazer e à integração das comunidades. Praças, parques e quintais estão mais enxutos, e o jeito é encontrar novas saídas para desfrutar de um momento agradável, simplesmente sentado em um gramado, curtindo uma tarde gostosa.

A partir deste conceito, designers americanos do Rebar Group – em parceria com o coletivo de arte N55 – criaram o ‘Parkcycle Swarm’, um verdadeiro parquinho sobre rodas. É possível transportar até duas pessoas em cima do gramado, o que torna a experiência ainda mais divertida e prazerosa.

Também pensando na questão da mobilidade, tanto quanto na importância de espaços verdes integrados à cidade, o designer Kevin Van Braak criou um mini trailer que se transforma em um pequeno quintal, com espaço para fogueira e tudo! A ideia é ter um local onde as pessoas possam se reunir e passar mais tempo juntas.

Aqui em São Paulo, uma iniciativa bem bacana para deixar as ruas mais verdinhas são os parklets, ou vagas vivas, que ocupam espaços de carro em estacionamentos. Ações pontuais em datas como ‘Dia Mundial Sem Carro’ já vinham sendo realizadas desde 2006, e ganharam apoio da população no ano passado. Transformadas em pequenas praças ou parques, essas vagas podem se tornar uma realidade permanente em São Paulo ainda este ano.

Trailer - por Kevin Van Braak Parkcycle Swarm Parklet São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

Imagens: Designboom | Catraca Livre | Mobilidade Sustentável

Enviar um comentário